Flanelas Enjauladas

Desde que compramos um carro, várias preocupações surgiram. Um objeto a mais para limpar, para abastecera, para evitar que se machuque, para evitar que seja roubado e que traz momentos de diversão. É quase um filho, uma pessoa a mais na família. A diferença é que meu irmãozinho tem rodas, bebe gasolina e não refrigerante e não come nada. Coitado, não pode desfrutar do sabor de uma bala de maçã verde.

Tem gente porém, que acha que pode proteger o filho dos outros. São eles, os flanelinhas. Defendidos pelos hipócritas moralistas, estão aí, presentes no estacionamento do banco, da pizzaria, do McDonald’s, da feira, e em qualquer lugar que um carro possa parar e ficar mais de dois segundos. E, segundo eles, guardam seu carro, “dão uma olhada” nele, protegendo-o. De quem? Deles mesmos, só se for.

Mas eu não acordei hoje e olhei pra uma flanela, motivando-me assim a falar dos flanelinhas. O que me fez falar disso foi essa notícia. A polícia de minha cidade querida, resolveu fazer uma operação e prender esses “trabalhadores”, fazendo com que nossos queridos carrinhos fiquem finalmente, protegidos.

E por que eu os critico? Porque, sinceramente, acho isso um assalto. Radical? Não.

Ou você paga para que ele proteja seu carro, ou ele o arranha, joga uma pedra, metralha, joga uma HE Grenade nele. Por isso eu disse que eles protegem os carros deles mesmos. E quando você não aceita a “proteção” deles, é ameaçado, você, ou seu carro.

Mas provavelmente virão os falsos moralistas previamente citados, dizendo que são pessoas tentando trabalhar, que melhor é que estejam dando uma olhada em seu carro do que roubando/matando. Não estão roubando da mesma maneira, só que mais sutilmente e com a sua permissão? E como também explicam, como dito na notícia, que alguns deles possuem passagem pela polícia, respondem a inquéritos policiais?

E nem venha me dizer que eu to com pena de gastar uns trocados com um pobre coitado. Como diz o Kid, você, um “filhinho de papai com Nike no pé, Xbox 360 na sala, laptop Dell na mesa e iPod no bolso”, vem com ladainha de esquerdista, dizendo que eu tenho pena de dar dinheiro a um pobre coitado.

Moralistas chatos.

Aposto que vão dizer que sou um riquinho nerd, que tenho tudo aqui à minha disposição, que não tenho que batalhar para conseguir nada. Graças a Deus, que tenho tudo isso. E mesmo que não tivesse, procuraria os meios legais para ganhar a vida. E digo-lhe que tem como.

Tenho um primo que sempre estudou em escola pública, sempre teve condições inferiores à minha, mas que estudou e fez faculdade de medicina. Sei também que é uma oportunidade em muitas, mas esse é só um exemplo de que quando as pessoas querem mesmo trabalhar, querem mesmo ganhar a vida honestamente, elas podem. E exemplos não faltam.

Mais um exemplo dessa sacanagem, é no Axé Moi, cabana de praia daqui da minha ciadade, cuja propaganda você já deve ter visto no widget de publicidade do Orkut (a não ser que a propaganda venha só pra mim, né). Segundo rumores, os flanelinhas cobram 5 reais pra estacionar lá, e quando você não paga, mandam você voltar para a passarela, lugar onde é de graça o estacionamento. Dá até vontade de rir com uma coisa dessas…

Estou citando exemplos daqui, de onde moro, cidade pequena. Mas já vi reportagens sobre o mesmo assunto em grandes capitais como São Paulo, em que a coisa é muito pior e às vezes mais hostil.

Findo então meu post, caros leitores, agradecendo o trabalho do tio Tenente aí, que com essa ação, evitou que flanelinhas venham “proteger” nossos carros, que por consequência diminuiu os gastos com esse tipo de serviço prestado, que fez com que sobrasse mais dinheiro para que eu comprasse o geladinho da minha avó. Grato.

Um comentário sobre “Flanelas Enjauladas

  1. Cara, exelente post, concordo plenamente com o q vc flw, a critica a esses desocupados e as pessoas q acha q somos nerds riqinhos. Muito massa.

    lol meu primeiro comentario!!!

    Curtir

Digaê

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s