As 5 melhores festas de São Carlos na opinião de quem entende

Já vinha escrevendo esse texto há um tempo, mas acho que não há melhor hora para publicá-lo do que agora. O que aconteceu ontem e hoje foi simplesmente sensacional. demais para deixar passar.

A quem não entendeu, explico: ontem aconteceria uma festa bem grande na cidade, a Salve Santa Clara, na qual compareceriam algo em torno de GENTE PRA CARALHO. Por infortúnio da vida (mais precisamente a promotoria pública de Descalvado) a festa foi adiada para hoje e posteriormente cancelada e tínhamos uma cidade com GENTE PRA CARALHO pessoas órfãs de rolê necessitando urgentemente de uma cerveja gelada e uma barrigudinha de corote sabores.

E o que foi mais impressionante foi a rapidez com que os rolês aconteceram, a festa foi cancelada as 21h30 e as 23h já tinham umas 10 repúblicas com rolê montado e cerveja gelada. A Adolfo Cattani e a Antônio Rodrigues Cajado pareciam uma espécie de Rua Augusta do interior.

A partir disso podemos inferir a relação que São Carlos tem com o rolê: eles não podem existir separados, ou mesmo distante, é uma existência tão intrínseca que suas essências chegam a se confundir.

A frequência com que os rolês acontecem, o esforço constante para se inovar, a entrega das pessoas tanto em organizar quanto em participar e a busca pelo estado da arte das festas é algo que eu simplesmente não consigo colocar em palavras.

 

Sem mais delongas, vamos à lista , sem uma ordem específica(lembrando que TUSCA não é festa, é estado de espírito):

1 – Destilada da química:

Tipo de festa: Trash

Por quê é uma das melhores?: Se um dia houver alguma plataforma de governo que for indicar algum membro do Caqui como ministro da economia eu voto nela, porque o pessoal de lá sabe como combater a inflação. A porra da festa já vai pra sua quinta edição e continua custando dez reais, num período de tempo onde o litrão de skol passou de 3 para 5 reais.

E óbvio que, custando 10 reais a festa atrai todo tipo de gente ruim, que acabam sendo as melhores pessoas. Ninguém preocupado em fazer carão ou postar coisa no insta, mas sim em ficar absurdamente bêbado e ralar a bunda no chão.

Fato interessante sobre essa festa: é bem difícil sair dela de chinelo.

2 – Toração

Tipo de festa: Calourada

Por quê é uma das melhores?: A toração nada mais é do que uma festa de um amontoado de cursos que não tem tanta tradição assim em fazer festa mas tem muita vontade de torar, isto é, dar regaço.

Conforme a festa supracitada, a Toração também reúne as piores pessoas do mundo, com a diferença de atingir mais profundamente cursos tão diferentes quanto Computação, Terapia Ocupacional e Matemática, dentre outros .

Fato interessante sobre a festa: Todo ano, precisamente as 5 da tarde, chove.

3 – Chapeleiro maluco

Tipo de festa: Festa da IeS (isto é, LGBT-Friendly)

Por quê é uma das melhores?: Pra começar é uma festa do chapéu, ou seja, é divertidíssimo ver como as pessoas conseguem se superar no quesito “criatividade”.  Além disso, por ser uma festa da imagem e som, há uma variação nas músicas que tocam e, por vezes, é o único tipo de festa onde se consegue escutar certos tipos de música (tipo Spice Girls ou Backstreet boys)

Fato interessante sobre a festa: As pessoas passam a mão na sua bunda.

4 – MetaAMorfose

Tipo de festa: Temática (fantasia)

Por quê é uma das melhores?: Festa a fantasia por si só já é um negócio bom porque é a única festa onde vc tem assunto pra começar uma conversa com absolutamente qualquer pessoa no rolê. Além disso, eu tenho uma satisfação pessoal a cada ano em tentar fazer a pior fantasia da festa, abtendo esse título por três anos consecutivos.

Fato interessante sobre a festa: Fui nas últimas 5 edições e continuarei indo enquanto estiver na graduação.

5 -Ourgia

Tipo de festa: Fita

Por quê é uma das melhores?: Pra começo de conversa, foram eles que começaram com esse negócio de “festa até as 11 da manhã”, o que por si só já é uma idéia estupidamente genial e não faz sentido nenhum, e é justamente por não fazer sentido nenhum que ela faz mais sentido ainda em se tratando de festas sancarlenses.

Engraçado que, depois da Ourgia 2015 as festas grandes em São Carlos basicamente partem do princípio “tentar ser parecida com a Ourgia”, falhando miseravelmente.

Fato interessante sobre a festa: é possível ver o mar depois dela.

Menções honrosas:

  • Qualquer festa na Oligarquia (aquele balcão é sensacional)
  • Calibragem do funil (não sei o que houve esse ano, mas custou 2 reais e só teve gente idiota)
  • La tEQuilada (impossível uma festa open de tequila dar ruim).
  • Churras da Materiais/Produção (pararam no tempo e esqueceram de tentar tornar o rolê melhor, mas eu confio na capacidade deles).

3 comentários sobre “As 5 melhores festas de São Carlos na opinião de quem entende

  1. Gostei, mas acho q faltou colocar entre as 5 alguma festa de rep., dos moldes antigos: durante a tarde de sábado, barata, e menor. Temos várias, acho q daria pra escolher a citada no mamãe mandou.

    Curtir

  2. “é bem difícil sair dela de chinelo” É BEM DIFÍCIL SAIR DELA NÉ vc simplesmente teletransporta pra algum lugar (geralmente muito longe da sua casa) horas depois
    “As pessoas passam a mão na sua bunda” vc tá sendo elegante, geralmente as pessoas apertam com uma puta força mesmo
    “Fui nas últimas 5 edições e continuarei indo enquanto estiver na graduação” ou seja, vc ainda vai por muito tempo

    de resto, faço minhas as suas palavras <3

    Curtir

Digaê

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s